3447-7000 / 3421-2112 contato@farmaciaproderma.com.br

      Ajuste em doses de medicamentos industrializados

      Ajuste em doses de medicamentos industrializados

      Farmacêuticos altamente especializados podem ajustar doses de medicamentos industrializados já prontos

      A cena é comum: um comprimido tem uma concentração mais alta que o necessário para o paciente e precisa ser partido ao meio (ou em mais partes). Outras vezes, é o conteúdo em pó de uma cápsula que precisa ser diluído na água ou o comprimido que precisa ser pulverizado por trituração, já que a criança não consegue engolir na forma sólida. Do ponto de vista farmacêutico, essa é uma questão crítica, pois gera imprecisão na dose do medicamento. Além disso, pode alterar significativamente a estabilidade e as propriedades químicas, toxológicas e terapêuticas, comprometendo a eficácia e segurança.

      Diante disso, quando não há disponibilidade do insumo para preparação direta, é essencial o trabalho profissional do farmacêutico qualificado na transformação. Esse processo ocorre quando o medicamento industrializado tem sua dose, concentração ou forma farmacêutica ajustada por meio de operações farmacêuticas – como partição, trituração e dispersão – que modificam a apresentação original, incluindo ou não a conversão em outra forma farmacêutica. Pode-se, por exemplo, transformar um comprimido em suspensão líquida para atender necessidades específicas e possibilitar a adesão ao tratamento farmacoterapêutico.

      Assim, garante-se a segurança e a eficácia do medicamento destinado para o paciente. A transformação é muito comum no cenário de hospitais e, em vários casos, para uso domiciliar. Um dos contextos em que a transformação é mais pertinente é nos medicamentos pediátricos, pois há escassez de medicamentos adequados às necessidades de neonatos, bebês e crianças, como as preparações orais líquidas. A maioria das crianças menores de seis anos não consegue engolir comprimidos ou cápsulas. Entretanto, somente uma pequena parte dos fármacos está disponível como especialidade farmacêutica na forma de preparações líquidas, menos ainda as pediátricas. A maioria dos medicamentos industrializados são, por motivos mercadológicos ou de estabilidade, comercializados exclusivamente em formas farmacêuticas sólidas, como comprimidos e cápsulas com doses destinadas à população adulta.

      Por isso a transformação é mesmo necessária, mas requer conhecimento específico. O risco está na transformação feita de forma caseira pelos próprios pacientes.

      Transformar em quê?

      Partição, trituração, fracionamento, dissolução: a maneira mais adequada vai depender da necessidade do paciente e da forma em que o produto industrializado está apresentado.

      A estabilidade é uma das características essenciais que precisa ser mantida durante a transformação de um medicamento. Assim, antes de alterar, é preciso consultar na literatura técnica os estudos que garantam que a alteração desejada pode ser realizada. As transformações ocorrem a partir de diversas formas farmacêuticas, sendo que a mais comum para as crianças é partir do comprimido para a forma líquida. Mas é importante lembrar que o medicamento sólido (cápsulas e comprimidos), quando triturado juntamente com seus excipientes e disperso em um veículo líquido, pode promover alterações na formulação transformada. Excipientes comuns em comprimidos, por exemplo, podem alterar o pH de formulações líquidas, afetando perfil de estabilidade.

      É fundamental que o profissional esteja atento aos potenciais problemas que podem ocorrer durante uma transformação de especialidade farmacêutica e assegurar que a preparação extemporânea resultante apresente conformidade com a dose prescrita, possua atributos de uniformidade e homogeneidade adequados e mantenha-se estável durante o período de tratamento.

      Na Proderma, os farmacêuticos são especializados e altamente qualificados para realizar tais procedimentos. Venha até uma de nossas unidades com o seu medicamento que necessita de ajustes e conte com o nosso profissionalismo para transformar sua fórmula de maneira segura e eficaz.

      Texto original: Revista Anfarmag nº112

      Fórmulas com qualidade comprovada pela Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais (SINAMM).

      Contate agora mesmo a nossa Equipe Farmacêutica!

      (19) 3447-7000

       farmaceuticoresponde@farmaciaproderma.com.br

       contato@farmaciaproderma.com.br

      Importante

      O texto acima foi elaborado com base em estudos científicos, porém salientamos que o conteúdo é apenas de caráter informativo. Antes de adquirir e fazer uso do produto é importante consultar um profissional habilitado (seu médico ou nutricionista) ou os farmacêuticos Proderma. Envie um email ou entre em contato com as nossas lojas pelos telefones (19) 3447-7000 e 3421-2112.

      Proderma

      Desde 1982 criando produtos de qualidade com foco no cliente e rigoroso controle de processos.

      PRODERMA FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO LTDA

      Curta nossa página

      Atendimento

      Segunda a Sexta-feira:
      das 8:00 as 18:00

      Sábado:
      das 8:00 as 12:00

      Contato

      contato@farmaciaproderma.com.br

       (19) 3447-7000 (Telefone - Matriz Centro)
       (19) 99811-7176 (Whatsapp - Matriz Centro)

       (19) 3421-2112 (Telefone - Filial Vila Rezende)
       (19) 99811-3752 (Whatsapp - Filial Vila Rezende)

      Localização

      Loja 1 (Matriz): Rua Prudente de Moraes, 917 – Centro – Piracicaba SP / CEP 13400-315

      Responsável Técnico: Helena de Fátima Baptistella De Nápoli – CRF SP 8438

      Autorização ANVISA: AFE nº 25351.201321/2002-41 – AE nº 25001.013346/85

      Certidão de Regularidade: CRF/SP nº 8438. Licença VISA Piracicaba nº 0938/2002

      CEVS nº 353870901-477-000085-1-6 AFE Autoriz/MS nº 0.09951.3 AE Autoriz/MS nº 1.34608.8

      Alvará de Licença MAPA nº 1415 2009

      CNPJ 50.764.604/0001-82

      Loja 2 (Filial): Avenida Rui Barbosa, 519 – Vila Rezende – Piracicaba SP / CEP 13405-217

      Responsável Técnico João Roberto Baptistella – CRF SP 1.13147-3

      Autorização ANVISA: AFE nº 25351.202644/2002-51 – AE nº 0.09951.3

      Certidão de Regularidade: CRF/SP nº 13147. Licença VISA Piracicaba nº 939/2002

      CEVS nº 353870901-477-000085-1-6 AFE Autoriz/MS nº 0.09951.3 AE Autoriz/MS nº 1.12772.6

      CNPJ 50.764.604/0002-63

      Compartilhe

      Envie essa matéria para os seus amigos!